Gramado Turismo Jovem! Pensando no turista do futuro


gRAMADO TURISMO JOVEM.jpg

Um nicho turístico lucrativo e pouco explorado em muitos destinos, este é o turismo jovem. O tema foi apresentado na manhã desta quarta-feira, dia 09, na Sociedade Recreio Gramadense, em Gramado/RS, para entidades, autoridades e trade em geral. O assunto foi apresentado por Paulo Prudêncio, sócio-proprietário da empresa Tribos Jovem, que tem mais de 10 anos de experiência no Turismo Jovem.

 

Na ocasião, Paulo apresentou o projeto “Gramado Turismo Jovem”, no qual será possível tornar o destino um atrativo para o turista jovem (até 16 anos), tendo assim um fluxo maior no período de baixa temporada e também atraindo ainda mais turistas para a cidade, fomentando a economia da região.  

 

O destino Bariloche foi utilizado como case de sucesso neste segmento, por ter apostado no nicho jovem e por criar estrutura de eventos e atrações que interessem os viajantes, além de legislação específica para atender ao turismo jovem. A iniciativa chega a atrair 150 mil estudantes de junho a janeiro em Bariloche.

 

Segundo Paulo, é possível alcançar números positivos também em Gramado, com o turista jovem. “Para que isso seja possível e Gramado se torne um case de sucesso, é preciso pensar em estrutura adequada e especializada, na ideia de jovem organizado e regrado e na promoção de um pacote completo, para que os pais que contrataram uma viagem para seus filhos tenham a segurança de que o jovem vai receber os cuidados necessários e poderá tirar máximo proveito de uma experiência inesquecível”.   

 

Durante a apresentação também foi lançado o 1º Festival Estudantil Gramado, que ocorrerá de 19 a 21 de outubro de 2018, com uma programação repleta de atividades e atrações para os estudantes. Para termos o jovem viajante visitando nosso destino é preciso pensar em três tópicos básicos: Ativação, engajamento e experiência.  

 

A Tribo Jovem é uma das maiores empresas de turismo estudantil do Brasil, com quase 15 anos de atuação. Para Paulo, a importância de valorizar o turismo jovem é apostar e fidelizar o turista do futuro, pois com as novas tecnologias será cada vez mais comum que os jovens pensem em viagens independentes de agências ou pacotes turísticos e passem a utilizar somente serviços coletivos como, por exemplo, o “Airbnb” ou, passem a não viajar mais, tendo somente experiências do mundo digital.

 

Mais informações sobre o projeto Gramado Jovem: gramadojovem@gmail.com.


Por
09/05/18




Realização